4 dicas para escolher a cama ideal para seu cachorro

Redação - O Estado de S. Paulo

Pets de diferentes raças e tamanhos apresentam diferentes necessidades

Esqueça as tradicionais casinhas de madeira e as caminhas genéricas que são vendidas em qualquer lugar: seu cachorro já pode (e merece!) contar com móveis elaborados, que sejam adequados à características como raça e tamanho. Além de proporcionar uma boa noite de sono para seu cãozinho, essas camas podem também se integrar perfeitamente ao ambiente. Confira algumas dicas para escolher a cama ideal para seu cachorro:

1. Conheça as necessidades do seu pet

O primeiro passo para acertar na escolha é identificar as características e necessidades do seu cão. Um fator importante é a raça: ela determina a quantidade de pêlos e, portanto, se o cachorro é mais ou menos propenso a sentir frio. 

Se o seu cão sente muito frio, o ideal é investir em casinhas de madeira ou em camas-iglu; para cachorros que sofrem com o calor, o ideal são as caminhas feitas a partir de tecidos leves.

A raça também determina uma série de outros fatores, como peso, hábitos e extensão do processo de crescimento. Todos esses aspectos são importantes na hora de escolher uma boa cama para o seu pet.

Esta cama, desenvolvida pelo Torafu Architects para a mostra Architecture for Dogs, foi pensada para as especificidades de cães da raça Jack Russell Terrier: caçadores com bom olfato, dormem mais felizes sentindo o cheiro da camisa do dono

Esta cama, desenvolvida pelo Torafu Architects para a mostra Architecture for Dogs, foi pensada para as especificidades de cães da raça Jack Russell Terrier: caçadores com bom olfato, dormem mais felizes sentindo o cheiro da camisa do dono Foto: Hiroshi Yoda/DIVULGAÇÃO

 

2. Tamanho importa

Para garantir conforto e sono tranquilo, é fundamental que a cama tenha dimensões adequadas ao tamanho do seu cão. Por isso, antes de fazer uma escolha, é importante medi-lo. 

Cães que crescem muito precisarão trocar de cama com alguma frequência; se o seu pet já atingiu seu tamanho máximo ou não crescerá muito mais, a escolha fica mais fácil. Por garantia, opte sempre por modelos que possuem alguns centímetros a mais que o seu animalzinho.

 

Cães com pouca tendência de crescimento não precisam trocar de cama com muita frequência

Cães com pouca tendência de crescimento não precisam trocar de cama com muita frequência Foto: Pickorruchos/DIVULGAÇÃO

3. Formato também

Você já reparou a posição em que seu cachorro dorme? 

Se ele prefere descansar esticado, a caminha ideal será retangular. Na hora de escolher o tamanho, lembre-se de medir as dimensões do seu cachorro quando ele está deitado.

Cães que preferem dormir encolhidos, por sua vez, se adaptam melhor com camas redondas ou quadradas.

 

Esta cama, retangular, é ideal para cachorros que gostam de dormir esticados

Esta cama, retangular, é ideal para cachorros que gostam de dormir esticados Foto: Diego Ocanhas/DIVULGAÇÃO

4. Material

Em relação ao material da cama, você deverá procurar por aqueles mais resistentes e fáceis de limpar. Para o cãozinho, no entanto, o que importa mesmo é que a caminha seja bem acolchoada. 

 

A cama deve ser sempre bem acolchoada; para cachorros grandes e/ou pesados, o acolchoado deve ser ainda mais resistente, para que eles não fiquem muito próximos ao chão

A cama deve ser sempre bem acolchoada; para cachorros grandes e/ou pesados, o acolchoado deve ser ainda mais resistente, para que eles não fiquem muito próximos ao chão Foto: Bichinho Chic/DIVULGAÇÃO

 

Veja também: 8 dicas de decoração para quem tem gatos em casa