Tetraplégico faz tratamento com células-tronco e recupera movimentos

- O Estado de S.Paulo

O americano Kristopher Boesen começou a se alimentar, abraçar, usar celular e escrever sem a ajuda de ninguém

Kristopher Boesen recuperou alguns movimentos após tratamento com células-tronco.

Kristopher Boesen recuperou alguns movimentos após tratamento com células-tronco. Foto: Reprodução/USC

Em março deste ano, o americano Kristopher Boesen sofreu um acidente de carro que causou uma lesão traumática na coluna cervical e o deixou tetraplégico. No início, a família do rapaz foi avisada de que ele teria todas as suas funções motoras perdidas do pescoço para baixo. Mas, alguns meses depois, o diagnóstico mudou. As informações são do site da Universidade da Carolina do Sul.

Em abril, neurocientistas do Centro Médico USC Keck resolveram tentar um novo método e ingetaram 10 milhões de célular-tronco AST-OPC1 na medula espinhal de Kristopher. Poucos dias depois, ele apresentou melhoras. Os médicos analisaram seu progresso em sete, 30, 60 e 90 dias após a injeção.

O resultado? Depois de três meses, ele já podia se alimentar, usar o celular, abraçar pessoas, operar uma cadeira de rodas motorizada e escrever sem a ajuda de ninguém. E, a cada dia que passa, ele melhora mais.