Médico alerta sobre necessidade de acompanhamento durante exercícios físicos

- O Estado de S.Paulo

Pessoas ficam mais suscetíveis a lesões quando praticam atividades físicas sem a supervisão de um profissional

A universitária Marcelle Mendes Mancuso, de 21 anos, fraturou a coluna ao fazer exercícios físicos em uma academia em São José do Rio Preto. A jovem estaria fazendo uma modalidade de abdominal invertido, quando a cinta que estava amarrada aos seus pés cedeu e ela caiu de cabeça.

Para Rodrigo Freitas, ortopedista e especialista em medicina do esporte, para prevenir esse tipo de acidente, é importante praticar exercícios físicos acompanhado de um profissional especializado e ouvir as recomendações do especialista. “O risco de lesões pode ser minimizado se você tem um profissional ali o tempo inteiro, verificando se está tudo certo”, defende.

Profissional deve acompanhar não só a forma como o exercício é executado, como a velocidade do movimento

Profissional deve acompanhar não só a forma como o exercício é executado, como a velocidade do movimento Foto: CherryPoint / Creative Commons

O médico alerta ainda que é essencial checar a história da academia antes de começar a prática de exercícios. “É interessante verificar se a academia é séria, se faz manutenção dos aparelhos. Redes grandes de academia, em geral, têm um sistema de fiscalização muito rígido”, destaca.

Lesões mais comuns. De acordo com o especialista, exercícios sem acompanhamento podem agravar problemas como hérnias de disco. Lesões no joelho, advindas da prática de atividades físicas, também são comuns, principalmente devido ao excesso de peso durante agachamentos.

Freitas ressalta que cada pessoa deve buscar um treino específico. “exercicios são como remédios. Não são feitos para todo mundo. Há uma individualidade para cada tipo de exercício, a cada pessoa”, destaca. “É importante que o profissional verifique com cada pessoa a velocidade ideal do movimento, a postura correta, como o exercício está sendo realizado”.