Ficar sozinho não faz bem para a alma. Isso não chega a ser uma surpresa. No entanto, a ciência descobriu que também não faz bem ao coração.

Estudos recentes realizados pelas Universidades britânicas de York, Liverpool e Newcastle fazem uma ligação direta entre os problemas de saúde e a solidão. Entre eles destaque para os ataques cardíacos e o AVC (Acidente Vascular Cerebral), o popular derrame.

Os pesquisadores analisaram 180 mil pessoas e descobriram que as mais solitárias tinham mais problemas cardíacos e de circulação e chegaram a uma conclusão triste: 29% deles têm mais chance de sofrer um ataque do coração e 30% de sofrer um AVC.

A explicação é simples: pessoas solitárias cultivam hábitos prejudiciais à saúde como fumar, beber e não praticar esportes. Além disso, todos sabem que ter amigos reduz o nível de cortisol – hormônio do estresse – tão prejudicial ao coração.

Se você tinha motivos para manter contato com seus amigos e familiares, ganhou mais um: manter a saúde em dia. Por isso, sempre recomendo que além da alimentação saudável, dos exercícios físicos, ter boas relações sociais ajuda e, muito, a manter a longevidade e uma vida feliz.

Por isso, quando pensar em se isolar em casa, pense no seu coração e aproveite para fazer novos amigos e manter os que já possui. Viva mais e melhor.