Hoje gostaria de falar sobre boas maneiras. Reparei que muitos idosos, ao envelhecer, levaram consigo a máxima: “agora posso tudo”. Isso é muito bom do ponto de vista de confiança e autoestima. Mas assim como muitos jovens não respeitam os mais velhos, o que é muito ruim, alguns idosos acreditam que, por já terem vivido tempo suficiente, possuem passaporte livre para fazerem e dizerem o que quiser.

De fato a velhice traz consigo experiência, condescendência e, teoricamente, paciência. No entanto, não é regra. Claro que a preferência sempre será das pessoas de mais idade. Isso é lei. No entanto, a gentileza é um ato mágico que faz com que a recebamos de volta. É muito simples, mas requer exercício diário.

Infelizmente muitos se esquecem das boas maneiras na hora de se expressar ou até mesmo de pedir algo. Essa atitude provoca (em todos) uma sensação de mal estar geral e até de antipatia. O que não é bom.

Cuidar da maneira com que tratamos o outro também faz parte de uma vida feliz e saudável. Pois quando utilizamos palavrinhas simples como por favor, muito obrigado, dá licença, portas e sorrisos se abrem como em um passe de mágica. Façamos um exercício de gentilezas diárias e, com certeza, o resultado será gentileza.  Viva mais e melhor.