Estadão

Fechar

Você está no seu último texto gratuito
deste mês.

No Estadão, tem sempre mais pra ler.
Continue se aprofundando nas notícias.

Assine o Estadão e tenha acesso livre »
É assinante? Entre aqui

Aposentado. E agora?

Marcelo Levites

27/11/2017, 3:33

Muitas pessoas sonham com a tão esperada aposentadoria. Primeiro, pela oportunidade de descanso após anos de suado trabalho e, segundo, por não aguentar mais os anos, as rotinas, enfim o tédio de fazer todo dia a mesma coisa.

Há ainda aqueles que sonham com as férias intermináveis. O descanso merecido, fazer o que quiser, a hora que quiser. Dormir até tarde, tomar um longo café da manhã, almoçar às 15 horas da tarde. Enfim, fazer o que der na telha.

Aí, saem os papeis da aposentadoria e agora é oficial. Segundo a Previdência Social, você está oficialmente aposentado. E agora? O que fazer?

Uma infinidade de possibilidades se abrem após o documento oficial. Você pode realizar uma nova atividade. Remunerada sim, por que não? Pode fazer atividades físicas que foram tão negligenciadas ao longo do trabalho árduo. Pode fazer novos amigos, viajar e curtir mais a família que você pouco viu por conta dos compromissos profissionais.

E pode, sim. Ficar sem fazer nada. Mas faça isso apenas por um período, pois até isso cansa, enjoa e provoca tédio. O importante é agitar a vida.  Leia a série Saindo do Sofá  Faça algo prazeroso, que encha sua vida de alegria, mesmo que seja um novo trabalho.

Aproveite os momentos de “férias” permanentes para cuidar da saúde, da alimentação equilibrada, de atividade física regular e de cuidar da alma e da mente. Dance, brinque, viaje e viva mais e melhor.

Você atingiu o número máximo de textos gratuitos este mês

Não pare por ai.
No Estadão, tem sempre mais pra ler.

Continue se aprofundando na informação. Assine por apenas R$ 1,90 no 1º mês e tenha acesso ilimitado ao Estadão.

Conheça suas opções
de assinatura

No próximo mês, você poderá ler gratuitamente mais 10 textos.

Já é assinante?

Entre aqui

Em caso de dúvidas, fale com a nossa Central de Atendimento: 4003-5323 (capitais e regiões metropolitanas) 0800 014 7720 (demais localidades). De segunda a sexta-feira das 6h30 às 20h, e aos sábados, domingos e feriados das 6h30 às 14h. A Central de Atendimento não recebe ligações de celulares.

Ir para a versão web