Lounge do Lions: vista para o centro em meio à música eletrônica. Foto: Divulgação

Prontos para o fim de semana? As opções de noite em São Paulo para sexta e sábado estão bem variadas, esteja você a fim de ouvir rock, pop ou música eletrônica mainstream. Aí vão nossas dicas:

Sexta, 30

Beco 203 – Aniversário de 1 Ano: O já disputado novo clube da Augusta prepara uma festa especial para comemorar seu primeiro ano, com um mix de DJs que tocam nas outras edições. Boa opção se você quer rock, a preferida dos moderninhos. Quanto? R$ 30 na porta.

Noites Trabalho Sujo @ Alberta #3: Um lugar pequeno e gostoso no centro velho de São Paulo, que começa no happy hour e vai longe. Às sextas, o projeto do jornalista Alexandre Matias traz rock de várias épocas e algum pop para a apertadinha pista no subsolo. Quanto? R$ 35 na porta.

HeadLine @ The Society:  É a festa de house, tribal e progressive que tem bombado nas noites de sexta. Nova aposta de André Almada, o luxuoso casarão tombado no Baixo Augusta é um espetáculo à parte, frequentado por um público gay bem vestido. Quanto? R$ 60 na porta.

Sábado, 31

Festonna MDNA @ Alôca: Uma noite dedicada ao novo álbum da rainha do pop, organizada pelo fansite MadonnaOnline. Entre novos hits e clássicos de Madonna, ainda é possível dançar sucessos de outras cantoras na pequena pista do clube. Quanto? R$ 25 na porta.

Forward @ Lions Nightclub: Um clube novo, com uma vista para o centro velho de cair o queixo. Aos sábados, a pista é dominada pela música eletrônica em suas várias vertentes. Com Guil Salles, Mauricio Gatto, Anderson Noise e Kurc nas pick-ups. Quanto? R$ 60-80 na porta.

Babylon @ The Week: Se você procura muita música eletrônica num sábado à noite, é uma opção sempre segura, que fez um público fiel. A megaestrutura da casa na Lapa dá espaço a gays, héteros e patricinhas até o amanhecer. A dica é chegar cedo: as filas na porta são quilométricas. Quanto? R$ 50-70 na porta.