Pra curtir legal o carnaval não é mais preciso gostar só de samba, axé ou frevo. Nem é obrigatório ser carioca ou baiano. Gaúcho pode, paulista se diverte, branco brinca. Japonês samba, gay não é exótico. Tem bloco dos Beatles, do Belchior, do Alceu. Bloco de rock, da Rita Lee, do Magal. De jazz e big band. Bloco-balada, com música eletrônica. Tem gesto político e desbundado. Tem pra todo gosto e pra todo gasto. Pra quem tá de bike, a pé ou na janela. A folia saiu da tela, a tevê não pode ser cela. A festa é de quem fizer. De quem não quer ser estrangeiro em seu próprio lar. De quem quer pular sem abadá. Índio quer pipoca e também quer apitar.

Este blog, vocês sabem, defende o respeito à diversidade. Seja ela política, cultural, religiosa ou o escambau. E o crescimento das festas de rua em São Paulo (aceita, seu prefeito!) deve muito à mistura de culturas, etnias, pensamentos, ritmos e estilos dessa brava gente bronzeada (ou não) que ocupou seu espaço na cidade. Quando pessoas estranhamente diferentes se juntam para uma uma festa, repetindo uma mesma coreografia ou caminhando em bloco, acabam por se reconhecer de alguma forma. Acredito que sempre nasçam descobrimentos pacíficos e positivos nesses ‘choques’ de diversidade. Em dias de intolerância (como os atuais), que o carnaval nos sirva como uma espécie de cursinho rápido, um intensivão de gentilezas e respeito. E que esse aprendizado de quatro dias de felicidade repercuta pelo ano inteiro. Evoé!

SÁBADO – 10 de fevereiro – 15h … BLOCO DA MARIA >>> Neste carnaval, muitos artistas e amigos dos saraus vão saracotear sem parar. O Sarau da Maria foi um que criou seu bloco e vai sair pelo terceiro ano consecutivo cantando suas marchas cheias de graça pela praça Carauari.

Não dão pro cheiro as fábulas de Esopo / e nem tampouco a de George Orwell / Sai já daqui, espírito de porco / Meu bicho solto quer lua-de-mel“. Assim começa a nova marchinha que eu e o Marcio Butarello compusemos para o Bloco da Maria. Ela se junta à marcha-rancho que o Sidney Kitagawa fez no ano passado (uma baita declaração de amor à Vila Maria) e às outras duas que eu e o Marcio fizemos em anos anteriores. Assim que tivermos umas doze (outros compositores podem ajudar) lançaremos o primeiro cd do Bloco da Maria. No mínimo, além da diversão, será mais um registro das aventuras dessa turma que se mete em política & cultura desde os tempos da luta contra a ditadura. Nossa Vila, como a de Noel, não quer abafar ninguém. Só quer mostrar que faz marcha valsa rap rock sarau carnaval e samba também.

Enquanto nossa marchinha para o carnaval de 2018 (‘Os Bicho Pira’) não tá na net, posto a do ano passado (acima). E finalizo com um solidário e reflexivo samba que o grande Chico Buarque compôs ainda jovem. Essa é a minha música preferida sobre o tema ‘carnaval’: “Era uma canção, um só cordão, uma vontade / de tomar a mão de cada irmão pela cidade / No carnaval-esperança / que gente triste possa entrar na dança / que gente longe viva na lembrança / que gente grande saiba ser criança”.

 

… … …

PROGRAMAÇÃO OFICIAL DOS BLOCOS

… … …

A Prefeitura de São Paulo divulgou a programação oficial de blocos de rua para o carnaval. De 3 a 18 de fevereiro, 491 blocos desfilarão em todas as regiões da cidade (No ano passado, lembro que o atual prefeito, além de pensar em confinar o carnaval numa espécie de ‘sambódromo-gueto’, queria proibir blocos com mais de 20 mil pessoas. E se autodenomina ‘o gestor’. Só rindo mesmo!). A expectativa é de que quatro milhões de pessoas participem da festa. Só no pré-carnaval, esta semana, foram 187 desfiles. No total, 183 desfiles na zona oeste, 125 no centro, 74 na zona norte, 54 na zona Leste e 55 na zona sul. Tem bloco para quem curte punk, brega, músicas internacionais ou ritmos nordestinos. Há também ensaios e festas com temáticas sociais, divertidas e políticas. No agendão, tem vários destaques para desfiles de blocos bem legais e variados. Escolha o seu. Clique também nos links abaixo e veja toda a programação (que se altera um pouquinho de um para outro).

blocos – 1 (página do ‘Carnaval de Rua’ no Facebook)

blocos – 2 (página do ‘Catraca Livre’ no Facebook)

blocos – 3 (site oficial da Prefeitura)

 

… … …

A FESTA DE ANIVERSÁRIO
DO SARAU DA MARIA

… … …

O Sarau da Maria agora tem meia década. Cinco anos tentando realizar uma festa bonita, pá. Suando a camisa pra criar um bom lugar pra gente ficar de boas, na paz. Pra se tornar um feliz ponto de encontro de amigos novos e antigos. Quem já foi, sabe o que eu digo. Mas, como cantou o grande Dorival, sarau é que nem acarajé: o trabalho que dá pra fazer é que é. Quem organiza, se diverte muito, mas também briga. Ora se abraça e concorda, ora diverge e se xinga. Lá, se beija bastante e se ri de montão, mas pra ficar de mal é um triz um xiz um vão. Depois de cinco anos de guerra e paz, a gente (do sarau) já aprendeu que isso é bem normal. Teve quem brigou, quem saiu quem chorou, quem não quis mais saber, quem voltou… E o sarau, que já tem vida própria, continuou. E continuará sem mim ou qualquer um de nós (pois já não nos pertence mais). É de todos, e caminha por si. Longa vida, Sarau da Maria!

A noite de aniversário se dividiu em duas partes. Na primeira, um sarau normal, com a presença de muitos artistas bacanas, como a dupla Gozi, o Giba, o Tião Baia e as cantoras Cláudia Luz (que lançou cd) e Dani Millani Mattos (que cantou Adoniran, acompanhada por Ayrton Mugnaini), a emocionante participação de Felipe Yanez com os jovens do Grupo VOPO (garotada antenada cujo discurso marejou os olhos de todo mundo) e as declamações de Rosinha, Vasqs, Gabeira e Silvia Maria, entre outros poetas). Teve o lançamento dos livros ‘Diário da Vertigem’, de Marilia Kubota, e de ‘Blasfêmeas’, antologia com poemas de 64 mulheres, organizado pela própria Marilia e por Rita Lenira de Freitas. Teve Ligia Regina e Eder Lima cantando poema de Marilia. Teve a performance poética de Regina Bostulim e a incrível Susie Mathias (com Li, Mea e Renan) cantando, dançando e incendiando a galera.

Na segunda parte, o sarau homenageou os amigos que já fizeram parte de sua comissão organizadora (e que saíram, mas estão sempre por perto) como Cida Sarraf, Kita, Rosa, Zé, Mea, Felipe Neri e Vlado Lima, que declamou um de seus divertidos poemas. Depois, os artistas (e velhos amigos) da Vila Maria foram chamados: teve Zé Carlos Guerreiro, Vladinsky e Cordeirovich, Oswhaldo Rosa, Kita & Helen e uma mais que merecida ovação ao som do grande Pedro Lua, que cantou acompanhado ao violão por João Emílio. Teve o rock de Dariluzio, a volta de Luiz Carlos Afonso às baquetas e os show de interpretação e presença de palco de Nilson Copede. E, após Deise Capelozza cantar ‘Há Mulheres’, com Marilia Kubota declamando seu poema ‘Só as Mulheres’, teve mais emoção com os grupos vocais Auá e Tom de Batom cantando ‘Maria Maria’ (de Milton & Brant), com Deise, Helen, Mea, Kita e João no palco, após Aduzinda declamar a poética letra. Teve a chama das velas brilhando no escuro. Teve um instante de sonho e esperança lacrimejando nos olhos de todo mundo.

No final, Marcio Butarello, puxador e compositor do Bloco da Maria, apresentou a nova marchinha que compusemos (‘Os Bicho Pira’) e convidou a todos para participar do ‘desfile’ do bloco, neste sábado, dia 10, na Mercearia (na praça Carauari). Acho que teve mais um montão de gentes e coisas que eu tô esquecendo (desculpem!). Estávamos lá, felizes da vida, que nem crianças bobas. É o que somos, por breves momentos, quando conseguimos ludibriar as asperezas da vida. Clique nos nomes dos fotógrafos e veja como foi a festa, através das imagens coloridas do Roberto Candido, e das fotos pb do Moacir Barbosa. Os dois foram superaplaudidos, merecidamente, por registrarem a força do movimento dos saraus (e, particularmente, o Sarau da Maria). A eles e a todos os amigos e artistas presentes, um abraço agradecido e apertado. Foi muito bão!

 

… … …

O SHOW DO VITOR RAMIL

… … …

No domingo fui ao Sesc Pinheiros assistir ao show do Vitor Ramil. Sou muito fã da poesia e da inventividade musical deste Ramil menos famoso (irmão de Kleiton e Kledir). Ele cantou suas belas e melancólicas canções acompanhado por incríveis percussões que se colocavam na linha de frente da artilharia sonora, junto às melodias, e com sopros que me levaram simultaneamente a ambientações de música clássica e circense, num jogo felliniano que me despertava recordações afetivas e iluminava insights. Não sei exatamente o que eu quis dizer com isso. Mas foi o que senti. A música de Vitor Ramil é adulta e consistente, instigante e inteligente. E comove: suas letras são de um lirismo admirável. Ia deixar esses comentários para a semana que vem, pós-carnaval. Mas o show, que não foi feito pra ninguém ‘sair do chão’, ainda reverbera e balança a musculatura dos meus sentidos. Arte, creio, é mais ou menos isso, essa capacidade de brincar com pensamentos e emoções. Os arranjos apresentados foram fiéis aos do cd, ‘Campos Neutrais’, um objeto estético primoroso que movimenta, de forma una, sons, palavras e imagens. Ao final, Vitor brincou dizendo que já podíamos sair felizes para pular nos blocos carnavalescos. De certa forma, sim: meu corpo e minha mente estavam lavados e leves, encantados pela força das canções. Por ora, deixo ‘Isabel’ e o link do cd, além da maravilhosa canção ‘Astronauta Lírico’ (do cd ‘Foi no Mês que Vem‘) que é a minha preferida de seu repertório.

Além do cd, o show marcou o lançamento do songbook ‘Campos Neutrais’. Vitor Ramil tocou seus violões acompanhado pelos percussionistas argentinos Santiago Vazquez (autor dos arranjos de percussão) e Facundo Guevara, além do naipe de sopros do Quinteto Porto Alegre, formado por Elieser Fernandes Ribeiro (trompete), Flávio Gabriel (trompete), Nadabe Thomas (trompa), José Milton Vieira (trombone) e Wilthon Matos (tuba). Vagner Cunha fez os arranjos para os metais. Foi tri-legal!

 

… … …

AGENDÃO

… … …

Eis aqui a agenda dos saraus para o seu findi, com fotos e vídeos (clique nas palavras em negrito para acessar os links e nos cartazes para ampliar a imagem e ler detalhes). Acompanhe também as muitas opções contidas na página da Agenda da Periferia. Informe-se, inconforme-se, atue e divirta-se!

… … …

QUINTA – 8 de fevereiro – 18h … Poetas Ambulantes na Av. Francisco Matarazzo … Coletivo realiza intervenções poéticas com saraus e distribuição de poemas em ônibus, trens e metrô. O ponto de encontro é o portão de entrada do Sesc Pompeia, com saída para a Avenida Francisco Matarazzo às 18h30.

… … …

QUINTA – 8 de fevereiro – 19h … Lançamento do Livro ‘Amor Sideral’ de Celio Almeida Carvalho … Editora Sopa de Letrinhas lança primeiro livro do poeta. No Julinho Clube, à rua Mourato Coelho, 585, na Vila Madalena.

… … …

QUINTA – 8 de fevereiro – 19h … Forró no Terraço … Toda quinta-feira vai rolar forró no terraço do castelinho (veja na foto), com vista bem legal da cidade. Os músicos convidados desta primeira edição são Kelly Marques (voz), Lucas Coimbra (sanfona), Vitor Coimbra (zabumba) e Samuel Samuca (voz e triângulo). E ainda tem participação especial surpresa. Entrada franca. No Terraço 775, à rua Domingos de Morais, 775, ao lado do metrô Ana Rosa.

… … …

QUINTA – 8 de fevereiro – 19h … ManaTiana no Baderna … ManaTiana é um projeto de música instrumental com influência de ritmos cubanos, misturados à jazz e música brasileira, com improvisações, groove e uma pitada de psicodelia. A banda conta com Rayra Maciel (percussão), Leandro Melque (bateria), Lua Bernardo (que aniversaria – baixo elétrico), Carlos Junior (teclado), Mariana Oliveira (saxofone alto) e Deivide Bubone (trombone de vara). Couvert R$10. A casa tem cozinha vegana e bebidinhas. Na rua Oscar Freire, 2529, em frente ao Metrô Sumaré.

… … …

QUINTA – 8 de fevereiro – 20h … Encontro de Expressões … Sarau organizado pelo artista Cale Narman tem palco aberto para música, poesia, dança e performances. No Grão Espresso, à rua Voluntários da Pátria, 3558, em Santana.

… … …

QUINTA – 8 de fevereiro – 20h … Luz, Câmera e Close: uma homenagem a Fernando Faro … Projeto em homenagem a Fernando Faro traz grandes artistas que passaram pelo programa Ensaio. Os shows terão formato semelhante ao do programa, mesclando músicas e entrevista. Nesta edição, apresentação do João Donato Trio (com participação de Saulo Duarte). Às 18h, debate “Fernando Faro e a trajetória do Rádio & TV no Brasil”, com Patricia Palumbo e Lillian Aidar, conduzido pelo curador do projeto, Paulo Bastos. No CCBB, à rua Álvares Penteado, 112.

… … …

QUINTA – 8 de fevereiro – 21h … Show de Mariana Furquim – no Teatro da Rotina … Mariana apresenta sambas e outros ritmos afro-brasileiros de artistas consagrados como Itamar Assumpção, Paulinho da Viola e Vander Lee, com arranjos originais, além de músicas autorais da artista e dos integrantes da banda. Na banda, Érico Ozzetti, Thaís Ozzetti, Uirá Ozzetti, Paulinho Timor e participação da flautista Marta Ozzetti. Ingressos a R$40 (porta) e R$20 (antecipado). Na rua Augusta, 912.

… … …

QUINTA-FEIRA – 8 de fevereiro – 21h … Ilustres Desconhecidos – na Presidenta Bar …. Com pocket-shows e djs, acontece a pré-estreia do coletivo formado por Jonah, Issoo!, Tiê Alves e Sujeito Além. Na rua Augusta, 335. No clipe acima, a banda Issoo! apresenta “Quantas Manhãs”, canção inspirada no conto A Terceira Margem do Rio, de Guimarães Rosa.

… … …

SEXTA À QUARTA-FEIRA – 9 a 14 de fevereiro … Carnaval Maldito No Simplão De Tudo … Seis dias de camping com dez shows por R$100. Vai ter fogueira, passeio no lago, trilha pra cachoeira das mandalas e muita música. Ingressos e mais informações aqui. Veja a programação:
Dia 10 – Zé Pereira, Pitaias e As Despejadas
Dia 11 – Applegate, Banana Maçã, Um Quarto e Goldenloki
Dia 12 – Luzia, Zumbi e o Folclore e Obinrin Trio

… … …

SEXTA – 9 de fevereiro – 18h30 … Carnaval no Boteco do Batata … Apresentação de marchinhas de carnaval com Edson D’aísa e Banda. Entrada franca (couvert artístico facultativo de R$7). Na Estrada do Vinho, KM 9, em São Roque.

… … …

SEXTA-FEIRA – 9 de fevereiro – 19h … Cortejo do Bloco Afro Ilú Obá De Min … Tendo as mulheres quilombolas como tema, bloco segue valorizando “mulheres negras que lutaram e lutam por terras, direitos igualitários, respeito, melhores condições de trabalho e por liberdade de ir e vir sem ser julgada e discriminada diariamente”. Concentração na praça da República a partir das 19h. Saída ás 20h.

… … …

SEXTA-FEIRA – 9 de fevereiro – 20h … Sarau Clamarte de fevereiro … Clamarte é a abreviatura da Cia Literária dos Amantes da Arte. Nesta edição, com Elizandra Souza lançando o livro ‘Águas da Cabaça’, o cantor e compositor Renato Pessoa, a expo Metal-Morfose e o palco aberto. Na rua Professor Otávio Guimarães, 393, Socorro.

… … …

SEXTA – 9 de fevereiro – 21h … Giba Ribeiro – Esquenta de Carnaval … Pra esquentar os tamborins, Giba canta marchinhas tradicionais e canções de Djavan, Caetano, Chico, Gil, Capital, Barão, Ira, Tim Maia, Marisa Monte, Jeneci, Nando Reis, Maria Gadú, Zé Ramalho e Clube da Esquina. No Carauari Bar e Mercearia, à praça Carauari, 8, na Vila Maria.

… … …

SEXTA – 9 de fevereiro – 20h … Siri Recheado no Bar Exquisito … Apresentação da banda de samba-elétrico Siri Recheado. Com Kiko Woiski no contrabaixo, Pedro Henning na bateria, Edson Woiski no bandolim de 10 cordas e Guilherme Kafé na voz e no violão). No repertório, Saudosa maloca (Adoniran), De frente pro crime (Blanc/Bosco), Com que roupa (Noel), Coração Leviano (Paulinho) e muitas outras pérolas. Couvert R$12. Na rua Bela Cintra, 532.

… … …

SEXTA-FEIRA E SÁBADO – 9 e 10 de fevereiro – 21h … Guarabyra, Tuia Lencioni, Tavito e Ricardo Vignini … Show reúne os quatro grandes artistas e traz canções clássicas do folk & rock rural, como “Casa no Campo”, “Rua Ramalhete” e “Sobradinho”. Participação do cantor Zé Geraldo. No Sesc Vila Mariana, à rua Pelotas, 141, perto do metrô Ana Rosa.

… … …

SEXTA, SÁBADO E DOMINGO – 9, 10 e 11 de fevereiro … Camaradas – Chico César e Bárbara Santos – no SESC Belenzinho … Espetáculo traz canções do cantor e compositor Chico César com poemas de Bárbara Santos: Fantasia para Dueto, Camerata, Camarim, Atentado e Passeata. Sexta e sábado, 21h. Domingo, 18h. Na rua Padre Adelino, 1000.

… … …

SEXTA-FEIRA – 9 de fevereiro – das 23h às 4h … Escola de Sampa e Coco de Oyá – no Al Janiah … Dois grupos animam a noite que ainda tem o dj Henrique Coelho e muita marchinha, coco e glitter de outros carnavais. Entrada R$15 (na lista, R$10). Na rua Rui Barbosa, 269.

… … …

SEXTA-FEIRA – 9 de fevereiro – 23h59 … Peça ‘Alma’: nova temporada … Espetáculo teatral ‘Alma’, do grupo Teatroendoscopia, traz a costura de textos feministas na interpretação de Andressa Ferreira. Direção de Flavio Marin. No Teatro Parlapatões, à praça Roosevelt. Também na sexta que vem, dia 16, às 23h59. Entradas a R$40 e R$20.

… … …

SÁBADO À TERÇA-FEIRA – 10 a 14 de fevereiro … Carnaval em Paranapiacaba … Carnaval tradicional com matinês para o público infantil (das 13h às 17h), no Antigo Mercado, além da feira de Cambuci (no Galpão, das 8h às 17h) e, no mesmo horário, a Feira de Artes, Artesanato e Antiguidades, no Clube União Lyra-Serrano. O Bloco das Bruacas toca três dias: no sábado e na terça, no Coreto do Clube União Lyra-Serrano, das 14h às 17h. Na segunda, a banda percorre as ruas da Vila. No domingo, o Paranafolia diverte os foliões nas ruas da Vila, a partir das 14h. Na segunda-feira, a folia é por conta dos Blocos Beco do Conforto e Carnapotó, no Largo dos Padeiros, das 13h às 19h. E às 15h, o Calango Brabo é a atração no Coreto do Clube ULS.

… … …

SÁBADO – 10 de fevereiro – a partir das 13h … Folk’s Carnival no Cateto Mooca … Carnaval com chope e comidas artesanais ao som de música folk e country com a banda Zona Western, formada por Speedy Victor (vocal), Ivan Valle (contrabaixo acústico), Wagner Creoruska (banjo) e Caio Forster (viola de arco). No Cateto – Beber e Comer Artesanal, à rua Fernando Falcão, 810, na Mooca.

… … …

SÁBADO – 10 de fevereiro – a partir das 14h … Desfile do bloco carnavalesco Maiô nu Rêgo … O bloco carnavalesco Maiô nu Rêgo é um bloco-intervenção que ‘carrega a bandeira da liberdade e da diversidade de corpos em transe e trânsito’, que teve início na Rua Rêgo Freitas, com ‘bunda flácida, bunda virgem, bunda arregaçada, bunda obesa, bunda magricela, bunda caída, bunda siliconada, bunda fitness, bunda velha, bunda amassada, bunda furada, bunda peluda, bunda suja, bunda depilada, bunda grossa, bunda com cicatriz, com celulite e com estria, formando um caleidoscópio-multicolor-bundístico’. Concentração às 13h, na rua Epitácio Pessoa, seguindo pela rua Rêgo Freitas, às 14h.

… … …

SÁBADO – 10 de fevereiro – das 14h às 23h … Festival da Mosca Branca 8 – Especial de Carnaval … A festa começa com o Cortejo do Bloco Pano de Chão (concentração às 14h na Adega da Rosana) que segue até o Menino Muquito Bar, onde se apresentam as bandas AmémMau e os Excluídos (com o melhor do brega) e Giuliano del Sole e Banda (tocando brasilidades). Entrada franca.O Muquito fica na avenida Vila Ema, 5090, em Sapopemba.

… … …

SÁBADO – 10 de fevereiro – das 15h às 21h … Bloco da Maria na Mercearia … Terceira edição do Bloco criado pelos amigos do Sarau da Maria. Concentração no Carauari Bar e Mercearia, percurso na Praça Carauari e dispersão, novamente, no Carauari Bar e Mercearia. A gente dá voltas mas não sai do lugar. Na Vila Maria.

… … …

SÁBADO À TERÇA-FEIRA – 10 a 13 de fevereiro – 15h … Carnaval Jambu – no Sesc Vila Mariana … O som do Pará baixa em Sampa com muita guitarrada, carimbó e brega. Na rua Pelotas, 141, perto do metrô Ana Rosa. Na programação:
Dia 10, sábado – Combo Cordeiro: Com Felipe Cordeiro e Manoel Cordeiro
Dia 11, domingo – Je Treme Mon Amour: participação do Bonjour Pará
Dia 12, segunda-feira – Lucas Estrela
Dia 13, terça-feira – Je Treme Mon Amour: participação de Antonio Novaes e Clarimbó

… … …

SÁBADO – 10 de fevereiro – 17h … Bloco Beatles Para Crianças – na Vila Butantan … Músicas dos Beatles em ritmos carnavalescos. Entrada franca. Na rua Lemos Monteiro, 206, perto do metrô.

… … …

SÁBADO E DOMINGO – 10 e 11 de fevereiro – 17h … Show de carnaval – Trupe Chá de Boldo convida Tatá Aeroplano e Gusta Souza … Com músicas autorais (em versão carnavalesca) e marchinhas clássicas a Trupe Chá de Boldo sobe ao palco fantasiada e apresenta um show dançante para o Carnaval. Além da banda de 13 integrantes (e dez anos de estrada), participação de Tatá Aeroplano e Gustavo Souza.. No Sesc Pinheiros, à rua Paes Leme, 195.

… … …

SÁBADO – 10 de fevereiro – 19h … Sarau na Galeria – Edição 51º … Sarau é um projeto literário e musical realizado no centro de Suzano todo segundo sábado do mês, desde março de 2013, com palco aberto e convidados (veja o cartaz). Na EE Geraldo Justiniano Rezende Silva, à rua Basílio Valente de Aguiar, 19, na Vila São Jorge, em Suzano.

… … …

SÁBADO – 10 de fevereiro – 19h30 … Festa de Carnaval no República Bar … Música ao vivo com a Banda Forró Banho de Cuia tocando para sacudir a cabeleira. Na rua Visconde de Itaboraí, 233.

… … …

SÁBADO – 10 de fevereiro – 21h … Poema Novo – Show de Carnaval … Banda faz show com repertório autoral, mais latinidades, baianidades, regionalismo e ritmos dançantes. Participação do bloco Filhas da Lua, de Carol Olivieri (percussão e vocais) e do sanfoneiro Vitor Rodrá. Entrada franca (mas colabore no chapéu). No Espaço Parlapatões, à praça Roosevelt.

… … …

SÁBADO – 10 de fevereiro – 21h … Forró Aracatí … Trio toca o melhor do forro pé-de-serra e do reggae. Nos intervalos, o dj Julio César assume o som. Entrada R$5. No Bally Bagus Out, à rua São vicente de Paula, 347, em Guarulhos.

… … …

SÁBADO À TERÇA-FEIRA – 10 a 13 de fevereiro – 21h … Zeca Baleiro – Carnaval 2018 no Sesc Pinheiros … Criado há 14 anos pelo cantor e compositor maranhense, o “Baile do Baleiro” promove o encontro de várias linguagens através de músicas de diversas gerações. No repertório, “Fogo e Paixão” (Wando), “Mesmo que Seja Eu” (Erasmo), “Nem Ouro Nem Prata” (Rui Maurity), “Mulher Brasileira” (Benito di Paula), “Fio Maravilha” (Jorge Ben Jor), “Sobradinho” (Sá e Guarabyra) e “Anunciação” (Alceu Valença), além de canções de Anastácia, Novos Baianos, Simonal, Cassiano, Tim Maia, Hyldon, Bebeto, Belchior e Marina Lima. Com Zeca Baleiro (voz e guitarra), Tuco Marcondes (guitarra), Fernando Nunes (baixo), Adriano Magoo (teclados e programações), Kuki Stolarski (bateria e percussão) e Hugo Hori (sax e flauta). Sábado, às 21h. Domingo, segunda e terça, às 18h. No Teatro Paulo Autran, à rua Paes Leme, 195.

… … …

DOMINGO – 11 de fevereiro – 10h … Junior da Violla – na Avenida Paulista … Violeiro Junior da Violla apresenta o Projeto Violando Conceitos, onde nos revela todo o potencial da viola, explorando as sonoridades de uma banda completa. Na Avenida Paulista, esquina com a Alameda Campinas.

… … …

DOMINGO – 11 de fevereiro – das 12h às 17h … Carnaval de Marchinhas … Almoço com chorinho e clássicos do Jacob do Bandolim e da mpb (das 12h às 14h), Concurso de fantasia e máscaras (das 14h às 15h) e Baile de Carnaval com tradicionais Marchinhas (das 15h às 17h). Valor R$55 (almoço e baile). No Cama & Café, à rua Roberto Simonsen, 79.

… … …

DOMINGO – 11 de fevereiro – das 15h às 21h … 63º sarau da Casa Amarela … Um dos saraus mais legais da cidade é apresentado pelo poeta Akira Yamasaki, com o auxílio luxuoso de Escobar Franelas e Luka Magalhães, na Zona Leste. Com palco aberto e convidados: Liz Rabello, Márcio Costa, Walter Limonada, Onézio Cruz e Meramolim Cantador. Na rua Julião Pereira Machado, 7, em São Miguel Paulista.

… … …

DOMINGO – 11 de fevereiro – das 16h a 0h … Doces Tardes de Domingo #16 – Á Fantasia … Edição especial rockeiro-carnavalesca da festa promovida mensalmente pela Jardim Psicodélico Produções. Com entrada franca, feira de vinil, shows de várias bandas, discotecagem e exposições (veja as atrações no cartaz). No Komb Bar, à rua José Antonio Fontes, 62, na Vila Tolstói, Zona Leste.

… … …

DOMINGO – 11 de fevereiro – das 17h às 22h … Só Forró, Só Vinil … Festa promovida pelo Sarau do Vinil e Cacete de Agúia, com baião, xote, pé-de-serra, xaxado, regionais e muito mais. Entrada franca (às 17h30, aula de forró, grátis, com Alexandre Silva e Patricia Caixeta). No Espaço Cultural Casa Da Vila, na Engenheiro de Armando Pereira, 943B.

… … …

DOMINGO – 11 de fevereiro – 21h … Raquel Martins no Raiz Bar … Cantora, violonista e compositora, Raquel Martins se apresenta acompanhada Arthur Souza (baixo) e Bebe Goes (percussão). No repertório, Zé Keti, Adoniran, Chico, Baden, Vinícius, Benjor, Gonzaguinha, Tim Maia, Erasmo, Gil, Simonal, Novos Baianos e Jackson do Pandeiro, além de composições autorais (Raquel acaba de lançar seu quarto cd, “Percepções sonoro poéticas”). Na rua Alves Guimarães, 153.

… … …

DOMINGO – 11 de fevereiro – das 23h às 5h … Carnavelhas em São Paulo … Marchinhas e músicas carnavalescas com uma pegada rock and roll: esta é a proposta do Carnavelhas, baile da banda de rock nacional independente Velhas Virgens. Na discotecagem, Denis Romani (Tiger Robocop). Ingressos a R$25 e R$35. No Jai Club, à rua Vergueiro, 2676, na Vila Mariana.

… … …

SEGUNDA-FEIRA – 12 de fevereiro – 15h … Saída do Bloco Ano Passado Eu Morri, Mas Esse Ano Eu Não Morro … Seguindo o lema do mestre Belchior, ‘sempre desobedecer, nunca reverenciar’, bloco leva às ruas seu protesto indignado: “Ano passado eu morri. Raiva, indignação, impotência. Morri golpeado. Pobre diabo sul-americano, cambaio, esfarrapado’. Na Praça Rio dos Campos, em Perdizes.

… … …

SEGUNDA-FEIRA – 12 de fevereiro – das 17h às 22h … Bloco Glixaria – Carnaval de Rua … Glixaria, corpo livre & purpurinado, é uma intervenção de artistas com dança, arte circense, show, projeções, bloco de carnaval e diversão. Com participação de dj Obá, e Bloco da Moça. Performances de Mariana Alves, Isabella Mariotti, Quin Roque, Warley Noua e Maria Mandi, entre outros. No Coreto da Praça da República.

… … …

SEGUNDA-FEIRA – 12 de fevereiro – 19h30 … Dança (e) Autonomia … Curso tem proposta de identificação e desconstrução de vícios e tabus socialmente enraizados na movimentação do corpo, a partir de um encontro entre antropologia, sociologia e dança. Cada ciclo passa por 4 módulos, focando pé, bacia, tórax e crânio (com um possível quinto módulo de revisão). Aulas aplicadas pela ministrante Bárbara Côrtes. Inscrições (e informações sobre preços, horários e duração) através do seumovimento@gmail.com. No Lab-C ConeCsoma, à rua Cardeal Arcoverde, 119 C, em Pinheiros.

… … …

SEGUNDA-FEIRA – 12 de fevereiro – 20h … Segundona de Carnaval … O CoriscoMix & a Associação José Martí apresentam a tradicional Segundona de Carnaval com Luiz Cláudio de Santos comandando o repertório recheado de mpb, marchinhas e muito samba. Nos intervalos, o dj Dino Menezes assume o som. Entrada R$10. Na rua Joaquim Távora, 217, em Santos

… … …

TERÇA-FEIRA – 13 de fevereiro – 14h … Cortejo do Agora Vai! … Bloco que arrasta famílias com crianças sai do Bar do Chagas, na rua João de Barros, 23, na Barra Funda.

…. … …

ATÉ 24 DE FEVEREIRO … Rugas – no Rio …. A fotógrafa Ana Paula Paiva, que já expôs no Sarau da Maria, agora leva sua mostra fotográfica ‘Rugas’ para o Rio de Janeiro. Segundo ela, a expo segue seu objetivo e viagem, sem roteiro e passagem de volta, para quem sabe olhar o envelhecer com leveza, seguir os processos de vida, repensar e celebrar. Na Galeria Modernistas, à rua Paschoal Carlos Magno, 39, em Santa Teresa.

… … …

ATÉ 14 DE FEVEREIRO … Exposição – Histórias da sexualidade … Com mais de 300 obras e cerca de 130 artistas, tanto do acervo do MASP, quanto de coleções brasileiras e internacionais, incluindo desenhos, pinturas, esculturas, filmes, vídeos e fotografias, além de documentos e publicações, de arte pré-colombiana, asiática, africana, europeia, latino-americana, entre outras. A mostra divide-se em nove núcleos temáticos e ocupa três espaços do Museu: o primeiro andar (Corpos nus, Totemismos, Religiosidades, Performatividades de gênero, Jogos sexuais, Mercados sexuais, Linguagens e Voyeurismos), a galeria do primeiro subsolo (Políticas do corpo e ativismos) e a sala de vídeo (Voyeurismos). No Masp, à av. Paulista, 1578. Eu soube que menores de 18 anos, inicialmente proibidos de entrar, agora já podem ir, desde que acompanhados de seus pais ou responsáveis (aos poucos, a gente vai saindo das trevas).

… … …

AGENDÃO >>> E fique ligado, pois o agendão é diariamente atualizado. Bom findi a todos!

… … …