Mais um ano chega ao fim e você já deve ter pensado nos sonhos que gostaria de realizar em 2017.

Será que alguns são iguais aos de 2016, que não foram pra frente? E você se movimentou para começar a realizá-los?

Se a gente ensina aos filhos que eles não podem desistir, que têm de persistir, por que muitas vezes a gente deixa pra trás algo que seria tão importante para nós mesmos?

Siga em frente. E feliz 2017!