Sharon Ryan 2012/Creative Commons

Natal é época de solidariedade. Período ações de caridade. Que tal, então, fazer sua boa ação e ajudar um animal de rua?

Algumas marcas entenderam nossa paixão pelos animais e resolveram dedicar um percentual de suas vendas para aqueles peludos sem lar.

Visa

Marina Loram/Creative Commons

Com a missão de conectar o mundo e promover uma sociedade mais próspera, a Visa do Brasil lançou o programa Causas Visa. A mecânica é simples: basta acessar o site do programa, informar o número do cartão Visa e escolher a causa ou a instituição para a qual deseja que a Visa faça a doação. A partir daí, em qualquer pagamento realizado com esse cartão cadastrado, a Visa irá doar um centavo para a instituição ou para a causa que o portador escolheu. O potencial total de doações é de R$ 60 milhões, se considerarmos o número de transações feitas com cartões Visa em 2016 (dados do Banco Central).

Segundo Fernando Teles, country manager da Visa do Brasil, muitos brasileiros querem contribuir com várias causas, mas nem sempre encontram tempo ou meios confiáveis e práticos de como fazer doações. “Ao convocar toda nossa rede e os portadores de cartão Visa, podemos impactar essas instituições de forma positiva e transformadora. Juntos podemos fazer mais e impulsionar a mudança social que tanto buscamos para o Brasil” explica.

Para o primeiro ano do programa Causas Visa, foram escolhidas cinco causas (animais, crianças&adolescentes, educação&capacitação, idosos e saúde) e, das quais, foram selecionadas 17 instituições. Dentro da causa animal, participam desta ação a AMPARA Animal e o Instituto Luisa Mell.

As instituições escolhidas atendem ao Padrão de Gestão e Transparência do Terceiro Setor, elaborado pelo Instituto Doar, a partir de uma extensa pesquisa dos conceitos e critérios adotados por diferentes organismos nacionais e internacionais, como o Selo Doar.

O programa Causas Visa terá a duração prevista de um ano e toda a verba da doação sairá da Visa e não do consumidor. Caso algum interessado queira fazer uma doação particular, o programa oferecerá essa possibilidade em parceria com a organização social Eu Apoio.

​”​A Visa utilizará sua rede para possibilitar que os portadores de cartões Visa contribuam para a transformação do”, acredita Sérgio Giorgetti, vice-presidente de marketing da Visa do Brasil.

Frontline

J Helsel/Creative Commons

Em parceria, a empresa Boehringuer Ingelheim Saúde Animal e a OSCIP AMPARA Animal lançam a campanha “Ampare com Frontline”.

A cada Frontline adquirido, além de proteger o pet contra parasitas, o consumidor faz a diferença na saúde e no bem-estar de outros pets. Parte do valor será revertido para a Ampara Animal, como aponta o diretor da unidade de negócios Animal de Companhia da Boehringer Ingelheim, Ahmed Addali Alvarez.

Essa parceria reforça a preocupação da empresa em causas que afetam diretamente o bem-estar dos pets, incluindo a posse responsável. “É um dos nossos objetivos contribuir para que o animais de estimação tenham uma vida cada vez mais longeva e de qualidade” elucida Ahmed.

Projeto Moradores de Rua e Seus Cães

Foto: Edu Leporo

Neste Natal a Petz, ZoozPet, Pet Delicia, Chocolates DieSiena, Arte e Cão e o Projeto Moradores de Rua e Seus Cães (MRSC) se uniram e prepararam um presente muito especial. No dia 19 de dezembro, às 21 horas, irão às ruas para distribuírem Kits de Natal para cães de rua e seus donos.

Para quem quiser contribuir, pode doar panetones, brinquedos para as crianças e para os pets. Doações em dinheiro também são benvindas, para ajudar a comprar os kits.

O posto de coleta das doações está no ZoozPet Shop, localizado na Rua Dr Renato Paes de Barros, 430- Itaim Bibi – SP.

O Projeto MRSC começou começou com uma dúvida “Como é a vida dos cães que vivem nas ruas?” e foi a partir desse questionamento que o fotógrafo profissional, Edu Leporo, resolveu sair, em um dia comum do ano de 2012 pelas ruas de São Paulo com uma câmera em busca de resposta. Após centenas de imagens e depoimentos, o fotógrafo resolveu contar as histórias por meio de uma mostra.

Voluntários vão todos os meses às ruas do centro de São Paulo, levar ração, vacinas e caminhas.  Em pouco mais de três anos de vida, os participantes deste Projeto já atenderam 5.700 pessoas e mais de 500 cães.

Olha só a entrevista que eu fiz com o coordenador do Projeto, Edu Leporo.

Se você não tem Visa, não compra Frontline ou não mora em São Paulo, também pode ajudar. Busque uma ONG na sua cidade e leve os cães para passearem. Junte doações de ração, brinquedos e caminha, entre seus colegas de trabalho, e doe para animais de rua. Sempre é tempo de fazer uma boa ação, ainda mais para quem mais amamos: os animais!