Foto: Tiago Queiroz / Chega de Trabalho Infantil

Foto: Tiago Queiroz / Chega de Trabalho Infantil

Imagina uma cidade cheia de verde, onde cada criança tivesse sua própria árvore? Esta é a ideia do Instituto Olinto Marques de Paulo (IOMP), por meio do projeto Projeto Árvore Generosa.

+ Leia também: Criança e Natureza: o direito humano ao contato com o verde

A iniciativa visa plantar uma árvore para cada criança nascida em São Paulo por ano. Segundo Sara Assis, gestora do instituto, a primeira ação ocorreu em maternidades. “Estamos no início do projeto. Demos mudas para as mães cuidarem e iremos buscar novas frentes, como escolas de Educação Infantil, com a intenção de atingir o número total de nascimentos”, comenta Sara.

O objetivo do projeto é incentivar o maior contato das crianças com a natureza. “Elas adoram, mas às vezes não têm essa vivência. Se não tiverem contato, não vão se apropriar para cuidar do planeta no futuro”, explica.

Sara ainda cita Richard Louv, autor do livro A última criança na natureza. “Louv  desenvolveu o conceito transtorno de déficit de natureza para mostrar como as crianças precisam de contato com o verde para se desenvolver de maneira saudável.