Desenho Original do Escritorio de Jaques Pilon / Fonte TPA empreendimentos

 

O edifício Irradiação era um edifício comercial construído na década de 1940 pelo arquiteto francês, radicado em São Paulo, Jacques Pilon, nas esquinas das ruas Brigadeiro Tobias com (Av.) Senador Queirós, quando o centro estava em seu auge!

Aviso no Estadão de 1944

Passados quase 80 anos, o edifício vive agora uma nova fase, trocará seu nome por Jaques Pilon e será transformado em prédio residencial, com aptos compactos.

O mais interessante desta história toda é notar que, em um caso raríssimo de se ver, a incorporadora decidiu valorizar a história do futuro empreendimento pelo enaltecimento de sua história antiga.

De tanto ver a nossa memória ser descuidada e, às vezes, literalmente destruída, o “normal” que esperaríamos seria uma tábula rasa com a descaracterização do edifício e o descarte de suas origens para dar espaço a valorização e a ostentação do “novo”, como única receita pronta para a venda do empreendimento imobiliário.

Que venham mais exemplos como este, pois a cidade precisa de um mix de novos, novíssimos empreendimentos junto aos antigos reformados e revalorizados.

Afinal de contas, estamos falando da nossa história e de arquitetura de primeiríssima linha que, em muitos casos, precisa de pouquíssimos ajustes para voltar a ser atual e funcional.

SalvarSalvar