Era uma vez o Cine Bandeirantes.
(Link Historia : http://salasdecinemadesp2.blogspot.com.br/2008/05/bandeirantes-so-paulo-sp.html )

Inaugurado em 1939 no Largo do Paissandú 138 era um dos mais modernos e bonitos da Cidade, contando até com paredes em veludo para melhorar a acústica de sua sala de projeção.

Acervo/Estadão 13 de Abril de 1939

Suas Linhas eram modernas e suas áreas totalmente decoradas com motivos que remetiam a pujança dos Bandeirantes.

Baixo-relevo dos Bandeirantes ainda presente no local – Foto Rene Alexis Penaloza Munoz

Os tempos mudaram e aquele cinema inovador foi readaptado para abrigar o Cine Ouro em 1966.

(Link Historia : http://salasdecinemadesp.blogspot.com.br/2010/11/o-cine-ouro-e-sua-linda-decoracao-no.html)

Acervo/Estadão – 29 de Maio de 1966

Considerado um dos mais luxuosos de SP tinha inspiração colonial com as ruas e casas de Ouro Preto reproduzidas em seu hall de entrada, onde havia até réplicas em gesso das obras do Aleijadinho.

O antigo acesso ao mezanino conserva os detalhes coloniais – Foto Rene Alexis Penaloza Munoz

Por fim, numa soma de saída de atividades culturais do Centro com implementação massiva do modelo de Shopping Centers nos bairros em expansão, os cinemas de ruas foram perdendo cada vez mais espaço.

Se a isso acrescentarmos a pressão por espaço dos carros não precisa nos surpreender o destino final desse glorioso cinema :

Um “Belo” estacionamento.

Nessa parede do fundo encontrava-se o telão do cinema – Foto Rene Alexis Penaloza Munoz

Fachada : google streetview/reprodução / 2016

Conhece um Arqui-Achado que eu possa pesquisar e divulgar? Me escreva (matteo@refugiosurbanos.com.br)